Arquivos da categoria: Acessibilidade

Presente da Nielsen Norman Group: guia de acessibilidade

A Nielsen Norman Group está disponibilizando gratuitamente um relatório sobre acessibilidade na Web denominado “Beyond ALT Text: Making the Web Easy to Use for Users With Disabilities”. O download do mesmo está disponível por tempo indeterminado como presente de final de ano. Nele existe um guia de boas práticas abordando muitos aspectos interessantes da acessibilidade, além de falar das tecnologias assistivas, leitores de telas e etc. Aproveitem enquanto é free!

Tradução do WordPress e Plugin para evitar spam

Apesar de ainda não ser necessário aqui no meu blog, pois não recebo spam, estou indicando esse plugin para evitar spam nos comentários do wordpress que é muito interessante. Diferentemente de outros plugins que utilizam uma técnica chamada captcha, este faz perguntas muito simples de serem respondidas por pessoas, mas não por máquinas. O que isso tem de bom? Vou explicar. O captcha utilizado nos outros plugins são letras distorcidas misturadas com ruídos (pontos e traços aleatórios) em uma imagem e o usuário tem que identificar quais letras estão ali, mas para cegos isso é impossível. Surgiu então uma solução parecido mas que era por aúdio, algo não muito comum e pouco prático. Esse que indiquei resolve o problema de maneira extremamente simples fazendo perguntas do tipo “Quanto é 1+2?”.

Em breve, publicarei mais uma versão dos arquivos traduzidos do WordPress. Enquanto isso, continuo disponibilizando a primeira tradução e se precisar de orientação leia o tópico em que a divulguei.

Pequenas atitudes que ajudam na Acessibilidade

Em outro artigo sobre acessibilidade, comentei sobre algumas providencias na hora da criação do site que ajudam os deficientes a navegar por ele. Aprendi mais algumas dicas em um artigo sobre as mudanças feitas no Infowester para melhorar a acessibilidade do site. Dou destaque a alguns pontos:

  • Meta-tag de linguagem: definir a linguagem utilizada na página é muito importante para que os leitores de tela leiam corretamente os texto para o deficiente visual. Isso é possível utilizando meta-tag. Por exemplo:
    <META HTTP-EQUIV="content-language" CONTENT="pt-br" />
  • Texto objetivos nos links: como os leitores de tela utilizam o texto contido nos links para o deficiente saber para onde aquele link direcionaria o navegador, é de grande importância que o texto seja cuidadosamente definido. Dê preferência por textos auto-explicativos. Por exemplo, no lugar de “clique aqui para ler o blog do Rodrigo” utilize “leia o blog do Rodrigo“.
  • Tag Label: utilizar a tag Label em todos os campos de um formulário, ela cria uma legenda para descrever o que deve ser escrito naquele campo. Por exemplo:
    <form id="login" name="login" action="" method="post">
    <label for="nome">Nome:</label><input type="text" id="nome" name="nome" />
    <label for="senha">Senha:</label><input type="text" id="senha" name="senha" />
    </form>
  • Nada de pop-ups: apesar de achar que já não exista mais esse tipo de coisa (doce ilusão), achei ainda válido comentar aqui. Ao abrir uma pop-up o deficiente perde a referência e não consegue mais encontrar o conteúdo que ele estava atrás, então não se deve utilizá-las.

Apesar de algumas dessas eu já saber antes mesmo de ler o artigo, nunca tinha me dado conta de escrever aqui e a leitura me deu o estalo. Quem tiver outras sugestões, comente! Se eu lembrar de mais alguma, também acrescentarei. Abraços!